Arquivo Fotográfico
Destaques

           O nome Miguel Pereira é uma homenagem à um grande fotógrafo da região morto em 1998. Suas fotografias registraram grandes momentos e eventos da região, Miguel Pereira também registrou belas fotos aéreas de Marabá.

       O arquivo fotográfico “Miguel Pereira” tem por objetivo a documentação da cidade e da Região Amazônica através de imagens, a preservação de coleções fotográficas e arquivos audiovisuais no repositório arquivístico.
 
       Além disso, o setor busca informar, registrar e preservar momentos no tempo para as gerações vindouras através das imagens, pois a fotografia é um elemento importante na administração geral de qualquer repositório arquivistico.
 
       O acervo do arquivo provém de doações. O arquivo faz acompanhamento e documentação, através de fotografias e vídeos das atividades da Fundação Casa da Cultura de Marabá, cobertura de eventos e projetos locais e regionais. A Preservação de imagens é um método de manter e compartilhar memórias, ilustrando diferentes pessoas, estilos de vida, culturas e lugares.
 
       A fotografia é uma parte essencial de nosso patrimônio histórico-cultural e deve ser valorizada pelo seu valor artístico e documental. O setor fotográfico conservar os arquivos fotográficos e matérias relacionados à fotografia, buscando preservar a memória e o registro das riquezas culturais e naturais da região.
 
       O arquivo fotográfico Miguel Pereira conta hoje com um acervo amplo e diversificado de aproximadamente 70.000 fotografias. O acervo conta com fotos datadas de 1926 até os dias atuais, das quais revelam momentos e cenários históricos como o Burgo do Itaicaúnas, a enchente de 1980, o transporte de castanha, a Serra Pelada, eventos políticos e escolares entre muitas outras. Diariamente são desempenhadas atividades de atendimento à pesquisadores e visitantes que buscam nas fotografias do arquivo mais informações acerca de variados temas de pesquisas escolares ou acadêmicas.
 
       A fotografia é mais sensível do que a maioria dos documentos em papel. A sua preservação em meio digital, foi uma das alternativas encontradas pela FCCM para salvaguardar a sua coleção da deterioração, facilitar o acesso a pesquisa e difundir o acervo disponibilizado ao público. Atualmente estamos desenvolvendo o processo de digitalização do acervo em programa específico, hoje contamos com um acervo de 12.220 imagens em meio digital disponível ao público.
 
   
 

 

 

A revista o Penta edição comemorativa dos trinta anos da FCCM, tem como objetivo a divulgação do nome de nossa cidade,seus valores,sua tradição, suas linguagens,bens culturais,materiais e imatereriais, suas surpreendentes descobertas científicas-arqueologicas, espeleológicas, botânicas, zoológicas e entomológicas Clique aqui.

 

   Rico em informações, imagens e historias marcantes o livro balsa de buriti narra em detalhes a expedição fluvial que marcou o aniversario de 100 anos de Marabá em 2013.O lançamento do livro aconteceu na noite de 28/04/2015.

 

 

 

 
Depois de muitas dificuldades para transportar a carga de buriti, da cidade de Goiatins (TO)...
 Clique aqui.
 

A revista do patrimônio arqueológico de Marabá, temo como objetivo preservar e resgatar o patrimônio historico e arqueólogico da regiao preservando a memória e a identidade de um povo para gerações futuras.       .  Clique aqui.

 

Mais da Fundação

Institucional
Publicações
Agenda
Museu
Download
Arquivo Histórico
Arquivo Fotográfico
Pinacoteca
Escola de Música
Biblioteca

Relacionamento

 /@casadaculturademaraba

 

Contato

fccmadm@gmail.com
Fone:(94) 3322-2315